‘ChorandoSemParar’ traz autor de trilha de filme de Woody Allen

cropped-11

A 11ª edição do festival de música instrumental ChorandoSemParar tem em seu elenco o guitarrista norte-americano, Howard Alden, que apresentará arranjos de composições de Chiquinha criados exclusivamente para o Festival.   Alden, considerado um dos maiores nomes da guitarra acústica do estilo gipsy jazz, de Django Rainhardt, é também grande admirador da música brasileira, especialmente do Choro.

O ChorandoSemParar começa na próxima segunda-feira, 1º de dezembro e segue até o sábado, 6, com palestras e mesas-redondas e Rodas de Choro. No domingo, 7, acontece o ponto alto do ChorandoSemParar com a esperada maratona musical a se realizar no último dia do Festival, na Praça 15, centro de São Carlos, com doze horas de “música-sem-parar”, das 10 horas da manhã às 10 horas da noite, com revezamento ininterrupto dos instrumentistas convidados.

Nesta décima-primeira edição, as atividades do ChorandoSemParar  terão lugar na Praça 15 de Novembro no SESC São Carlos, no Teatro Municipal São Carlos e no Centro Cultural Espaço 7 e todas as atividades têm entrada franca.

Howard Alden

unnamed (1)

Como definiu o jornalista norte-americano, Scott Yanow para o site de All Music, Howard Alden é um guitarrista brilhante tanto no instrumento elétrico como acústico. “Como se não bastasse, ele também tem dominado o violão de sete cordas e o banjo”, ressaltou.

Alden gravou as performances de guitarra para os clássicos do jazz que fazem parte da trilha sonora do filme ‘Sweet and Lowdown’ de Woody Allen, produzido em 1999.

O guitarrista também ensinou ao ator principal do filme Sean Penn os maneirismos e a postura para caracterizá-lo como um guitarrista de jazz nos anos 30.

Para a apresentação no ChorandoSemParar Alden contará com a participação do músico brasileiro Swami Jr. violonista, baixista, arranjador e produtor, nascido em São Paulo, que em três décadas de carreira mescla o choro, com a MPB e o jazz.

Os músicos prometem incluir no repertório preparado para o festival, músicas compostas por Chiquinha Gonzaga.

Com todas as suas atividades gratuitas e abertas ao público, o ChorandoSemParar transforma São Carlos (SP) na capital nacional do Choro, a manifestação musical mais marcadamente brasileira.

O FESTIVAL

11ª edição do ‘ChorandoSemParar’ homenageia Chiquinha Gonzaga e Luciana Rabello

No ChorandoSemParar 2014 o ano é das mulheres! Desde seu início, em 2004, o festival de música instrumental ChorandoSemParar dedica cada uma de suas edições a um compositor em memória e a outro, convidado a participar do elenco.  A 11ª edição  ChorandoSemParar tem como homenageada in memoriam a maestrina, pianista e compositora Chiquinha Gonzaga; e, como convidada-homenageada, a cavaquinhista e compositora Luciana Rabello.

Chiquinha Gonzaga, como se sabe, paira absoluta como o maior nome feminino da história da música popular brasileira; quanto a Luciana Rabello, é com certeza o maior nome feminino do Choro na atualidade.

Choro e gêneros afins – O ChorandoSemParar, idealizado pelo Projeto Contribuinte da Cultura, já se consagrou como o maior festival no País de Choro Brasileiro – na verdade, não apenas de Choro, mas também de seus gêneros afins.

O elenco do 11º ChorandoSemParar reúne nomes de grande importância na cena instrumental brasileira de hoje. Entre eles, a cavaquinista Luciana Rabello; seu convidado, o pianista Cristovão Bastos; o violonista Swami Junior; a pianista Maria José Carrasqueira; o saxofonista Leo Galdelman; a Spok Frevo Orquestra; Daniela Spielmann entre outros e, como anfitriã dos músicos convidados, a Orquestra Experimental UFSCar.

Destaque-se ainda que, como em suas edições anteriores, o ChorandoSemParar tem novamente entre suas atrações músicos estrangeiros que têm grande afinidade com o choro e com a música instrumental brasileira: os norte-americanos Howard Alden, guitarrista, e John Berman, clarinetista e maestro.

Homenagem às tradições carnavalescas – Fátima Camargo Catalano, diretora do Projeto Contribuinte da Cultura e idealizadora do ChorandoSemParar, conta que a escolha do homenageado in memoriam – Chiquinha Gonzaga – norteou o trabalho da curadoria do festival para definição do elenco e de toda a programação.

Segundo Fátima, “esta edição do ChorandoSemParar enfatizará a dificuldade e a importância do ativismo feminino no século XIX e início do século XX e ainda o papel de Chiquinha Gonzaga no cenário político social e cultural de sua época – além, e principalmente, mostrando sua importante contribuição para a música brasileira.”

Ela destaca ainda que como “Ô Abre Alas”, tem uma importância emblemática na história do Carnaval Brasileiro e, por isso, “o festival vai também ressaltar as formas musicais características desse grande festejo.”

“Além de estar a serviço do Choro Brasileiro, a edição Chiquinha Gonzaga do ChorandoSemParar será também uma homenagem às tradições carnavalescas, ao frevo e à história do Carnaval”, finaliza.

CHORANDOSEMPARAR 2014
FICHA TÉCNICA

Concepção e direção

Fátima Camargo Catalano

Projeto Contribuinte da Cultura
Leis de incentivo à cultura:

Ministério da Cultura – Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet
Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura – ProAc

Parceiros realizadores

UFSCar – Universidade Federal de São Carlos
FAI UFSCar
USP São Carlos
Prefeitura Municipal de São Carlos
Sesc São Carlos
e Patrocinadores

Outras informações

Projeto Contribuinte da Cultura
Tels. (16) 3501-4703 & 3307-5691
contribuinte.cultura@ufscar.br

Jornalista Colaborador
Hever Costa Lima
16 99727 6133
hever.costalima@gmail.com

Fonte: Comunicação ChorandoSemParar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s