Grupo Esparrama apresenta nova versão do espetáculo “2POR4” no Teatro Alfa

940A0284

Após conquistar o público com seus projetos na janela de um apartamento em frente ao Minhocão, o Grupo Esparrama inicia, no dia 04 de abril, uma temporada de dois meses no Teatro Alfa. Após passar por mais de trinta cidades, o espetáculo ‘2POR4’ reestréia repleto de novidades e, de forma divertida, traz a disputa de dois palhaços pela regência de um quarteto de cordas!

2POR4 – MÚSICA E TEATRO JUNTOS NA CENA

Você já deve ter ouvido falar no Grupo Esparrama, que com seu projeto Janelas do Minhocão, vem reunindo milhares de pessoas no Elevado Costa e Silva, o famoso viaduto apelidado pelos paulistanos de Minhocão. Agora o grupo convida o público para conhecer o seu espetáculo chamado ‘2POR4’, que inicia uma temporada de dois meses no Teatro Alfa, apresentando a disputa entre dois palhaços pela regência de um quarteto de cordas.

O espetáculo 2POR4 foi criado no final de 2012 a partir de uma parceria entre o Grupo Esparrama e a maestrina Ester Freire, inicialmente com o intuito de realizar uma experiência de arte-educação cuja fruição da obra fosse o ponto principal do processo educativo.

O projeto propõe uma aproximação da criança com o universo da música instrumental e suas características básicas, buscando sensibilizá-la para uma melhor apreciação da música erudita, ampliando sua escuta, a partir de um repertório já conhecido (cancioneiro folclórico e trechos de obras de compositores clássicos como Mozart, Beethoven e Vivaldi).

Junto com os palhaços/maestros que competem pela regência, o espetáculo conta com a participação de um quarteto de cordas (dois violinos, uma viola e um violoncelo) que é um grupo de instrumentos que carrega na sua formação a síntese de uma orquestra.

A música no espetáculo ultrapassa o lugar da sonoplastia e ganha dimensão de personagem. Junto com os palhaços, ela cria um jogo lúdico possibilitando diversas dinâmicas, em cenas que vão desde um painel onde mãos dançam em pautas criando personagens incríveis, cenas inspiradas no cinema mudo, o número de uma surpreendente cantora lírica, até a manipulação de um poético boneco/maestro de dimensões humanas. Este formato, além de criar um diálogo entre duas linguagens, a cênica e a musical, permite uma estruturação dramatúrgica que envolve as crianças de forma mais orgânica no processo de fruição da obra.

“Com o projeto 2POR4 queremos mostrar que a música não tem local específico, ela pode ser apresentada ao ar livre ou dentro de uma casa, ganhando vida e conduzindo o ouvinte a extravasar suas emoções ou evocar sensações já vivenciadas”, diz Kleber Brianez, do Grupo Esparrama. E completa: “Para tanto acreditamos que é necessário uma educação musical que apresente à criança o conhecimento das propriedades do som e das características básicas das formações musicais, para sensibilizá-la para uma escuta mais prazerosa da música e do mundo.”

O espetáculo utiliza canções da herança cultural popular e direciona o público a conhecer e relembrar esse legado musical que carrega um valor histórico, sociológico e educacional. Além de trazer toda essa ação para o universo lúdico, com os palhaços como mediadores.

 940A0260

GRUPO ESPARRAMA E SUAS JANELAS

Criado em 2012, o Grupo Esparrama tem como base de sua pesquisa o estudo do palhaço e das estruturas cômicas em suas variadas expressões nas artes cênicas (rua, palco convencional, intervenções, teatro para crianças etc.). Fazem parte da trupe  Iarlei Rangel, Kleber Brianez, Ligia Campos, Luciana Gandelini e Rani Guerra.

 

Como resultado de suas primeiras parcerias foi concebido, no final de 2012, junto com a maestrina Ester Freire, o espetáculo 2POR4 que participou do SESC FESTCLOWN 2014 – Festival Internacional de Palhaços realizado pelo SESC Brasília; foi selecionado pelo Edital Viagem Teatral SESI nas edições de 2013 e 2014; participou do Projeto Mosaico Teatral do SESCOOP; do projeto FDE do SESC Piracicaba e do projeto Recreio nas Férias do SESC Osasco, além de já ter realizado diversas apresentações em unidades dos SESCs. Após rodar por mais de 30 cidades diferentes, o espetáculo chega ao Teatro Alfa, para uma temporada de dois meses.

 

Ainda em 2013 o grupo desenvolveu seu primeiro projeto solo, o Esparrama pela Janela, intervenção cênica que aconteceu da janela de um apartamento no Minhocão. A proposta teve um retorno relevante da mídia e recebeu dois Prêmios FEMSA de Teatro Infantil e Jovem (Categoria Revelação – pela direção – e Prêmio Crystal Eco de Sustentabilidade) e o Prêmio da Cooperativa Paulista de Teatro, na categoria Melhor Ocupação de Espaço.

Contemplados pelo edital Rumos do Itaú Cultural, o Grupo Esparrama ocupa o Minhocão, de janeiro a julho de 2015, com o projeto Janelas do Minhocão, que tem prevista a estréia de um novo espetáculo no mês de Junho.

 940A0253

SINOPSE

Temporada – Espetáculo 2POR4

Com: Grupo Esparrama

Um Quarteto de Cordas chega para realizar mais uma de suas apresentações e é surpreendido por dois palhaços maestros. Muito criativos, os desajeitados maestros, começam uma disputa para decidir quem será o grande regente do dia. Durante esta competição, os candidatos à regência demonstram suas “habilidades” musicais e acabam apresentando de forma divertida os instrumentos de um quarteto de cordas e as propriedades do som.

SERVIÇO

Data: de 04 de Abril a 31 de Maio de 2015
Horário: 16h00
Duração: 45 minutos.
Recomendação Livre.
Local: Teatro Alfa Rua Bento Branco De Andrade Filho, 722 – atrás do Hotel Transamérica – Santo Amaro – São Paulo – SP – Tel.: (11) 5693 4000
Bilheteria: 11h/19h (segunda a sexta); a partir das 11h (sábado e domingo).
Estacionamento (R$ 15,00 e R$ 20,00 com manobrista).
Ingresso: R$ 30,00 inteira / R$15,00 meia entrada

 

FICHA TÉCNICA

Direção Cênica – Kleber Brianez
Assistência de Direção – Iarlei Rangel
Direção Musical – Ester Freire
Elenco – Kleber Brianez e Rani Guerra
Músicos – Manoela Bonina (primeiro violino),  Ismael Santos (segundo violino), Eliézer Motta (viola), Erica Beatriz Navarro (violoncelo), Wellington Oliveira (violino substituto) e Rebeca Friedmann (violoncelo substituto).
Figurino – Marcela Donato
Cenário – Grupo Esparrama
Assessoria de Imprensa e Comunicação – Luciana Gandelini
Treinamento em Manipulação – Anie Welter
Assessoria de Estilo, Técnica e Interpretação de Repertório Musical: Fábio dos Santos e Renata Pereira
Fotos –  Sissy Eiko
Produção – Iarlei Rangel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s