Coluna 13: “Guilherme de Deus!!!!”, por Lucimar Mutarelli

unnamedSua coluna tinha que ser a 13. Deu zebra, meu irmão. Deu merda e foi feia

Que piada mais besta essa irmão, amigo, parceiro e cumpadre querido

Não deu tempo de entender ainda

Pegou a sua família e seus amigos completamente desavisados

É assim mesmo que a bosta da vida acontece. Desvia a nossa atenção para que o murro venha bem no meio da cara

Nocaute difícil hein, Fininho?

Você sabe que nessas horas a gente não tem o que dizer. A gente só quer estar junto e fumar mais um cigarro

Eu só precisava te contar porque não sei se você percebeu a quantidade de amigos que foram te prestigiar. Elogiaram tudo em você: competência, honestidade, fidelidade, parceria mas o que ninguém deixava de mencionar era o seu bom humor

A Guiomar, quando viu a camiseta do Corinthians, deixou escapar: até aqui a última piada tem que ser dele. E não foi só ela e o Douglas que apareceram. Alguém deixou escapar que foi a primeira vez que o Seu Tigrão fechou todas as lojas

Muita gente, maninho. Sua casa ficou cheia, completa por seus pais (juntos no retrato da parede), seus irmãos, sobrinhos, cunhados, primos, vizinhos, conhecidos, colegas e amigos. Alguns entravam e saíam em silêncio. Outros trocavam algumas palavras com você. Falavam alto ou baixo. Rezavam ou praguejavam. Não dá pra saber

Você dizia: cada um tem seu jeito, né?

Outra coisa que você sempre repetia: “Cuida da Lala”

Não se preocupe, Gui

Você conhece muito bem a sua família. Ontem estavam todos no chão, caídos, amuados e mesmo assim sempre tinha um ombro e um abraço e um carinho e uma palavra de carinho para Lala, Jéssica, Rafa e Pedrinho, Laura, Laís e Kelvin que passou o aniversário com a camiseta do Corinthians para te homenagear. A Marli e a Gabi também vestiram a camisa. Até vejo você chegando bem de mansinho e dizendo: “Gostei da camisa”

Em todos os lugares onde eu me encostava, sentia você chegando e dizendo: “Chato isso aí, viu?”

Mais que chato, Guilherme, foi uma merda, uma merda gigantesca

A gente vai continuar. Você sabe que o Lourenço diz: a nossa vingança é continuar e celebrar e cuidar e vigiar e conversar e brincar também porque você gostava e sabia brincar

Te prometo que continuarei presente e que a atenção da família com suas meninas será maior, pode acreditar e confiar

Mesmo destruídos estamos aqui, aparentemente em pé

O dia e a noite e a vida toda, meu irmão

Momentos intermináveis que passaram

Deixaram a gente aqui

Mesmo sem ter o que falar, eu quero te dizer. Quero te contar tudo. Sentei com o Hermes e revi toda nossa conversa online, poucas piadas e muito papo sério. Você era engraçado mas era também muito sensível. A flor da pele. Quando a gente brincava que você era o queridinho da mamãe, ela te defendia mais uma vez: “é porque ele é o que mais precisa”

Você achava que não, que ela tratava todo mundo igual. Agora tivemos a prova

Quem ela levou primeiro pro lado dela no céu?

Tinha que ser você, Fininho – duas mãozinhas unidas fazendo coração

Aproveita a companhia das estrelas máximas da nossa família: Seu Zinho e Dona Maria agora vão cuidar novamente de você

Nosso grupo no whatsap continua, nossa doce Marina continua na luta, aliás, ela ficou linda na capa do seu celular. E aproveito para me desculpar por ter respondido algumas mensagens. Pedi ajuda da Clarice para tentar orientar seus amigos

Impossível direção. Final mais besta

E ainda não acabou. Você segue aqui. Mais uma vez, Lourencinho me salva e ensina que você continua vivo dentro de cada um de nós

Juntos e misturados, do jeito que você gostava

Me recuso a usar ponto final

Ontem ficamos compartilhando suas fotos no grupo e é incrível como todas contam um pouquinho de você. Tudo não dá porque você era muito grande, meu irmão

Fica bem, descansa de toda a correria que você teve aqui porque você trabalhou demais nessa vida, maninho

E como disse seu cunhado Lourenço: aproveita o wi fi do céu que deve ser bem melhor que o daqui

Muitos kkkkk pra você, corações, caras amarelas piscando e sorrindo e todas as mãos unidas em oração hoje são para você

Segue a sua luz do túnel e cuidado para não ser atropelado pelo trem

Não perdemos o amigo e nem a piada

Mesmo sem querer a vida continua e você continuará presente na tristeza e na zoeira que, ás vezes, ends sem acabar, enquanto tiver mais um para contar a história ou a piada

Vai Curíntia

Eh nóis, mano!!!!!!!!!!!!!!

lucimar-mutarelli

Coluna 1Coluna 2Coluna 3Coluna 4Coluna 5Coluna 6Coluna 7Coluna 8, Coluna 9, Coluna 10, Coluna 11, Coluna 12.

7 comentários sobre “Coluna 13: “Guilherme de Deus!!!!”, por Lucimar Mutarelli

  1. Pingback: Coluna 14: “Trocando figurinhas”, por Lucimar Mutarelli | Livre Opinião - Ideias em Debate

  2. Pingback: Coluna 15: “Baseado”, por Lucimar Mutarelli | Livre Opinião - Ideias em Debate

  3. Pingback: Coluna 16: “Adágio”, por Lucimar Mutarelli | Livre Opinião - Ideias em Debate

  4. Pingback: Coluna 17: Cada um no seu quadrado, por Lucimar Mutarelli | Livre Opinião - Ideias em Debate

  5. Pingback: Coluna 18: “Vila Itaim”, por Lucimar Mutarelli | Livre Opinião - Ideias em Debate

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s