75 anos de Al Pacino

Al-Pacino-3

Al Pacino, um dos maiores atores do cinema está completando, neste dia 25 de abril, 75 anos. Com uma brlihante carreira, Pacino fez parte de diversos filmes que marcaram a história da sétima arte.

Pacino começou no teatro, mas foi no cinema que se consagrou. Filmes como a trilogia clássica da máfia O Poderoso Chefão, no icônico papel de Michael Corleone, passando pelos policiais dos anos 1970: Serpico e Um dia de Cão – estes em parceria com o diretor Sidney Lumet (1924-2001). Pacino eternizou a cena de Um Dia de Cão em que grita “Attica! Attica”, em referência à Rebelião de Attica que ocorreu no presídio do estado de Nova York, deixando 39 pessoas mortas.

Com atuações marcantes, Al Pacino interpretou os célebres personagens Tony Montana, no filme Scarface, dirigido por Brian de Palma, e Frank Slade em Perfume de Mulher, vencendo pela primeira vez o Oscar e o Globo de Ouro de Melhor Ator. Quem não se lembra da famosa sequência de Pacino dançando tango?

Nos anos de 1990, Pacino se equiibrou entre filmes memoráveis e fracassos. Em Donnie Brasco, ele retornava à temática suburbana ao lado do novato Johnny Depp. Em Advogado do Diabo, uma entidade charmosa que, literalmente, “inferniza” a mente de Keanu Reeves. Pacino também esteve em O Informante, um dos melhores filmes de Michael Mann, assim como Um Domingo Qualquer, do sempre polêmico Oliver Stone. Mas nem tudo foram rosas para o ator, que colecionou também filmes não muito agradáveis. como Simone, Insônia, O Novato, entre outros.

Percebendo a Era de Ouro da televisão, Pacino fez duas séries que se tornaram sucessos de crítica e público. A adaptação da famosa peça Angels in America, que lhe rendeu nada mais e nada menos que os prêmios Emmy, Globo de Ouro e o Screen Actors Guild (SAG), no papel de Roy Cohn. Outro destaque na televisão foi o mais recente Você Não Conhece o Jack, atuação generosa do Dr. Jack Kevorkian, figura polêmica que lutava pela eutanásia assistida por um médico. Pacico repetiu a dose e ganhou os prêmios do SAG, Emmy e Globo de Ouro.

São 75 anos de um dos maiores atores da segunda metade do século XX e atravessando o XXI com disposição. Pacino ainda está com diversos projetos para cinema e televisão. Fica aqui a homenagem do Livre Opinião – Ideias em Debate ao gênio da atuação, Al Pacino, com uma seleção das melhores cenas e interpretações do cinema.

Al-Pacino-2

Um dia de Cão (1975) – “Attica! Attica!”

O Poderoso Chefão (1972) – Sequência Final

Scarface (1983) – “Say Hello to My Little Friend”

Serpico (1973) 

Perfume de Mulher (1992) – Julgamento de Charlie 

O Advogado do Diabo (1997) – Sequência Final

Bônus: Perfume de Mulher

4 comentários sobre “75 anos de Al Pacino

  1. Al pacino é a cara do homen que eu sou apaixonada. Todas ás noite não consigo dormir sem assistir o filme: O poderoso Chefão. Eu admito, estou viciada compucivamente por Michel Corleone. AL Pacino, desejo vida longa para voce. Sou sua eterna fã.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s