Titane e João das Neves lançam o livro “Campo das Vertentes” em noite de autógrafos e performance musical da cantora

A obra registra projeto do casal de formação artística e os seus desdobramentos durante
10 anos de existência; a performance da cantora é acompanhada pelo músico Rogério Delayon e marca o encerramento da Ocupação João das Neves no dia seguinte

6qllof799i_17bk4e0il1_file

No dia 7 de novembro, às 17h, um dia antes do encerramento da Ocupação João das Neves, Titane, cantora e coprodutora casada com o dramaturgo homenageado, faz apresentação musical, com canções que marcaram sua carreira em parceria com o marido. Acompanhada do violão, guitarra e cavaquinho do mineiro Rogério Delayon, ela toca alfaia e canta composições dos discos Inseto Raro, Sá Rainha e Titane e o Campo das Vertentes, percorrendo seus 30 anos de trajetória artística. A performance, no Piso Térreo do Itaú Cultural, acompanha a sessão de autógrafos para o lançamento do livro, assinado pelo casal, Titane e o Campo das Vertentes.

A obra deriva do projeto de formação artística aliada à montagem de espetáculo, desenvolvido pelo casal em conjunto com a bailarina Irene Ziviani e que leva o mesmo nome. Com a proposta de criar um coro cênico-musical em coletivo, realçando a qualidade do todo, em 2005 foram realizadas oficinas de música, artes cênicas e dança, voltadas para jovens artistas. As cidades alcançadas foram Belo Horizonte, Oliveira, Itapecerica, Divinópolis e a região do Campo das Vertentes, todas localizadas em Minas Gerais.

Pensando em unir coro e percussão em um espetáculo homônimo, além da convivência com os novos artistas, Titane buscou inspiração no congado e no reisado, folguedos populares típicos de sua terra natal, Oliveira (MG). A partir desse processo surgiu Titane e o Campo das Vertentes, apresentado pela primeira vez em 2006. No show, a cantora, já acompanhada do coro, interpretou composições de brasileiros que tiveram grande influência em sua carreira, como Makely Ka e Sérgio Pererê.

De acordo com Titane, a continuidade do trabalho e os resultados visíveis no talento dos jovens em pleno desenvolvimento confirma que a ideia inicial se cumpriu e continua reverberando. “O projeto ainda estimula vocações artísticas, difunde arte e criatividade, propicia aos envolvidos momentos singulares, mas gera efeitos que só se conjugam no plural”, afirma.

Campo das Vertentes foi um marco para o trio de artistas que o conduziu e para os jovens talentos que, 10 anos depois da primeira experiência, se profissionalizaram e seguem carreira. O livro que será lançado registra esse processo e os desdobramentos alcançados por ele, trazendo depoimentos de diversos artistas que fizeram parte da experiência.

“O relato do Grupo dos Dez, formado por jovens do elenco do espetáculo, é um exemplo que pode ser encontrado no livro”, afirma Titane. Composto por atores negros, que pesquisam e investigam musicais brasileiros, o grupo estreou este ano o espetáculo Madame Satã, apresentado como atividade paralela à exposição em homenagem a João das Neves no instituto.
Além deles, o leitor encontra depoimentos de Kristoff Silva, renomado compositor de Minas Gerais, e de Larissa Horta, atual baixista da banda de Fernanda Takai. As ilustrações, também destaque da obra, são de João Castilho e Daniel.

Performance Musical
Na atuação prévia ao lançamento do livro no Itaú Cultural, Titane e Rogério Delayon fazem uma performance intimista. A cantora apresenta Felicidade, de Luiz Tatit que faz parte do disco Inseto Raro, composto por músicas inéditas de brasileiros e marca o início de sua parceria com João das Neves. Do trabalho Sá Rainha, também dirigido pelo dramaturgo, Titane canta Dança, de Chico César, um de seus grandes parceiros. “É uma das músicas que mais gostei de gravar, pois essa canção do Chico me permitiu cruzar muitos dados musicais que são referência para mim, como a sonoridade andina e a afromineira”, conta. “É uma versão bastante particular em que utilizo a rítmica afromineira do toque de serra abaixo, por exemplo”.

Da nova safra de autores, ela prepara para o público músicas de Sérgio Pererê e Makely Ka, com destaque para Eu Não, de Ka, gravada no álbum Ana, e Estrela Natal, de Pererê, uma das canções mais marcantes do espetáculo Titane e o Campo das Vertentes, que virou DVD e agora se consolida com o lançamento do livro. Os ouvintes ainda presenciam homenagem da musicista para importantes artistas, referência na música popular brasileira, como Milton Nascimento e Caetano Veloso.

SERVIÇO:
Lançamento do livro Titane e o Campo das Vertentes
Apresentação musical, com Titane
Dia 7 de novembro
Às 17h
Piso Térreo
Classificação livre
Duração: 40 minutos
Entrada Franca
Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô
Fones: 11. 2168-1776/1777
http://www.itaucultural.org.br
http://www.twitter.com/itaucultural
http://www.facebook.com/itaucultural
http://www.youtube.com/itaucultural
http://www.flickr.com/itaucultural

Assessoria de Imprensa
Conteúdo Comunicação
http://www.conteudocomunicacao.com.br
http://www.twitter.com/agenciaconteudo
http://www.facebook.com/agenciaconteudo
Fone: 11.5056-9800
Cristina R. Durán: cristina.duran@conteudonet.com
Carina Bordalo: carina.bordalo@conteudonet.com
Karina Betencourt: Karina.betencourt@conteudonet.com
Roberta Montanari: roberta.montanari@conteudonet.com
No Itaú Cultural:
Fone: 11.2168-1950
Larissa Correa: larissa.correa@mailer.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s