Santiago Santos: Pau Pra Toda Obra

unnamed

Pau pra fora. O tio trancou a porta do quarto. Olha isso aqui, querida. Pode encostar. O tio não morde. Tio, tá doendo. Quietinha, quietinha. Depois a gente vai no shopping comprar DVD da Dolly.

Pau pra fora. Para de rezar, dona. O outro desceu porrada no marido valentão. Coronhada e dois dentes voaram. Só abre a boca, dona. A gente não quer treta.

Pau pra fora. Não, minha filha tem só 12 anos. Dona, cê quer entrar no bote, não quer? Sair daqui pra não morrer de fome? Não é obrigada a nada. Ela entrou no quarto. A filha ficou do lado de fora, chorando. A mãe saiu, chorando. A filha entrou, chorando.

Pau pra fora. Sete oficiais na sala. Ela levantou do canto, tampando os peitos. Ela tá magrinha mas é a mais bonita do campo. Cala a boca aí, Schmidt, ela tá te ouvindo. Ela não entende alemão, seu jumento, é italiana. Rolf ri. Ah, tá. Alguém sabe italiano? Quem souber dizer “abre” e “pernas” ganha um maço de cigarro.

Pau pra fora. Coronel Buhara segurou o tenente de 15 anos pelo braço. Você obedece agora, Pumango. Você obedece e faz tudo certo. O dia que for coronel, manda quem tiver abaixo fazer o que você quiser. Deita na cama. Tira a farda. É uma ordem, Pumango.

Pau pra fora. Marido demorou trinta segundos pra tirar a camisa. Marido mascava chiclete. Marido puxou o cobertor. Marido levantou a camisola. Marido meteu dedo na boca, encharcou de saliva, lambuzou. Marido deu tapa na cara, pediu silêncio, segurou as pernas. Marido tem todo o direito, soluçou, marido tem todo o direito.

Pau pra fora. Que é isso, seu Osvaldo? Osvaldo deitou na cama, cruzou as mãos atrás da cabeça. Esse aqui é o preço da crise, Ritinha. Ritinha segurava o cabo de vassoura. Vem aqui. A dona Bárbara, seu Osvaldo. Ela só volta à noite. Vem cá. Ritinha apertou mais o cabo. Eu só limpo a casa, seu Osvaldo. E quer continuar limpando, não quer? Ritinha esmigalhava a vassoura. Vem cá. Larga isso aí e segura outra coisa. Não se faz de besta.

santiago santos

Drop originalmente publicado no Flash Fiction
Arte da vitrine por GORA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s