Orquestra Furiosa do Auditório convida Toquinho para Especial Dia das Crianças no Ibirapuera

Show gratuito para a plateia externa da casa inclui clássicos do cancioneiro infantil, como Aquarela, O Caderno e A Casa, além de canções como Tarde em Itapuã e Samba de Orly; no palco, momentos só de Toquinho alternam-se com solos da Orquestra e parcerias dos dois

maxresdefault

O Dia das Crianças será celebrado no Auditório Ibirapuera com canções que marcaram gerações e continuam no imaginário dos pequenos de hoje, interpretadas pelos alunos da Escola do Auditório e por Toquinho. A apresentação será no dia 12 de outubro, às 11h, para a plateia externa.

Abrindo o show, a Orquestra Furiosa do Auditório, formada por 36 instrumentistas e três cantores, apresenta as peças Argumento, Perdoa e Guardei Minha Viola, de Paulinho da Viola, sob a regência do diretor artístico-pedagógico da Escola do Auditório, Nailor Proveta. Em seguida, o maestro José Roberto Branco rege o grupo com a música O Trenzinho do Caipira, de Heitor Villa-Lobos. Toquinho sobe ao palco, então, para interpretar ao lado da Orquestra as músicas Tarde em Itapuã e Samba de Orly.

Algumas músicas são interpretadas pelo cantor ao lado de Pepa D’Elia, na bateria, Ivani Sabino, no baixo e Nailor Proveta no clarinete e saxofone. A Orquestra Furiosa volta a tocar com Toquinho em Aquarela, A Casa, O Pato e O Caderno, novamente com Proveta na regência. Outras músicas, como A Bicicleta, Regra Três, Onde Anda Você e Mais um Adeus também estão no repertório. O show se encerra com a música Trem das Onze, de Adoniran Barbosa.

“Para os alunos de uma instituição cujo cerne é justamente a linguagem da música brasileira, essa vivência será marcante”, comenta Proveta. O show, portanto, será uma experiência única não só para o público, mas também para os alunos da Escola do Auditório. A Orquestra Furiosa tem formação baseada em conjunto regional de choro, percussão sinfônica e banda de coreto. Em 2013, participou da gravação do Sambabook ZecaPagodinho, no Rio de Janeiro, que foi lançado pelo Musickeria e Universal Music. O álbum ganhou o Prêmio Contigo MPB de Música como Melhor Projeto Especial, em 2014. Neste mesmo ano, realizou um concerto, junto com as demais formações da Escola do Auditório, com a participação especial de Dori Caymmi.

Sobre a Escola do Auditório

Ao assumir a gestão do Auditório Ibirapuera, em 2011, em parceria com a Prefeitura de São Paulo, o Itaú Cultural deparou-se também com o desafio de gerir este centro de ensino da música criado em 2005. A Escola do Auditório oferece um curso de música brasileira, com duração de até cinco anos, a até 170 estudantes (a partir de 12 anos) da rede pública de ensino – e que residam no município de São Paulo.

O objetivo é proporcionar uma sólida formação na área da música popular, unindo teoria e prática. Os estudantes aprendem a tocar um instrumento, desenvolvem a percepção musical e conhecem a história da música brasileira, seus estilos, instrumentos e personagens. Dando coesão e direcionamento ao ensino, o repertório é focado em autores brasileiros, tanto nas aulas quanto nas apresentações realizadas pelos diversos grupos da escola – como a Orquestra Furiosa e a Orquestra Brasileira do Auditório (OBA).

As disciplinas ministradas no Curso Livre de Música da Escola do Auditório se dividem em dois grupos: aulas teóricas, nas quais os alunos aprendem e desenvolvem a leitura de partituras, harmonia e as habilidades de percepção rítmica e melódica; no laboratório são apresentados os diversos ritmos brasileiros, passando por suas histórias e personagens. E aulas práticas, ou aulas de instrumento realizadas individualmente. Os estudantes também participam de grupos e adquirem experiência em orquestras.

A direção artístico-pedagógica da Escola é do maestro Nailor Proveta, e os orientadores são Camila Lordy, Amador Longhini e Paula Valente. Todos os alunos da Escola do Auditório recebem uma bolsa-auxílio.

Sobre Toquinho

Antonio Pecci Filho nasceu em São Paulo, no bairro do Bom Retiro, em 6 de julho de 1946. Teve aulas com Paulinho Nogueira, com os primeiros e principais acordes, Isaías Sávio, de violão erudito e Léo Peracchi, de orquestração. Gravou cerca de 82 discos, compôs mais de 450 músicas e fez cerca de 10.000 shows pelo Brasil e pelo exterior. Tem como principais parceiros: Vinicius de Moraes de Moraes, Chico Buarque, Jorge Ben Jor, Paulinho da Viola, Francis Hime, Mutinho, Carlinhos Vergueiro, Gianfrancesco Guarnieri, Elifas Andreato e Paulo César Pinheiro. Suas maiores influências são Baden Powell, Edgard Gianullo e Oscar Castro Neves. Suas composições mais representativas são Aquarela, Tarde em Itapuã, Que maravilha, Regra três, Escravo da alegria, O caderno, A casa, O pato, Na tonga da Mironga, Samba de Orly, Carta ao Tom 74, Cotidiano n.º 2, Samba pra Vinicius e Carolina Carol bela.

 toquinho-goiania

Atualmente, o artista prepara uma série de shows que comemoram os 50 anos de carreira nas principais capitais brasileiras, a gravação de um DVD de espetáculos realizados em São Paulo com a presença de diversos convidados, livro e exposição fotográfica com a colaboração de João Carlos Pecci e Elifas Andreato. Também está em curso um documentário biográfico que terá retrospectiva sobre a carreira a partir de vídeos colhidos em diferentes programas de TV e shows no Brasil e no exterior.

Toquinho participa ainda do lançamento dos DVDs Cabaré Vinicius, apresentado por Paulo Ricardo, do Amizade Sincera II, com Renato Teixeira e Sérgio Reis, e Canção dos Direitos da Criança, com Elifas Andreato. Atualmente está em cartaz o espetáculo musical infantil Canção dos Direitos da Criança, que tem músicas do seu repertório em peça adaptada pela premiada diretora Carla Candiotto, da Cia Le Plat du Jour.

 

SERVIÇO

Orquestra Furiosa do Auditório e Toquinho

em Especial Dia das Crianças

Dia 12 de outubro, quarta-feira, às 11h

Duração: 90 minutos (aproximadamente)

Gratuito. Plateia externa.

Classificação indicativa: Livre.

Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer

Av. Pedro Alvares Cabral, s/n – Portão 2 do Parque do Ibirapuera

(Entrada para carros pelo Portão 3)

Fone: 11.3629-1075

info@auditorioibirapuera.com.br

http://www.auditorioibirapuera.com.br/

Ar-condicionado. Acesso a deficientes. Proibido fumar no local.
Estacionamento do Parque Ibirapuera, sistema Zona Azul – R$ 5,00 por duas
horas. Dias úteis das 10h às 20h, sábados, domingos e feriados das 8h às 18h
Ônibus:

Linha 5154 – Terminal Sto Amaro / Estação da Luz

Linha 5630 – Terminal Grajaú / Metrô Bras

Linha 675N – Metrô Ana Rosa / Terminal Sto. Amaro

Linha 677A – Metrô Ana Rosa / Jardim Ângela

Linha 775C/10 – Jardim Maria Sampaio / Metrô Santa Cruz

Linha 775A/10 – Jd. Adalgiza / Metrô Vila Mariana

O Auditório Ibirapuera não possui estacionamento ou sistema de valet. O estacionamento do Parque Ibirapuera é Zona Azul e tem vagas limitadas. Sugerimos que venha de táxi ou transporte público

 

Assessoria de Imprensa:

Conteúdo Comunicação

Fone: 11.5056-9800

Cacau Cerullo: cacau.cerullo@conteudonet.com

Carina Bordalo: carina.bordalo@conteudonet.com

Cristina R. Durán: cristina.duran@conteudonet.com

Karina Betencourt: karina.betencourt@conteudonet.com

Larissa Correa: larissa.correa@mailer.com.br

Roberta Montanari: roberta.montanari@conteudonet.com

No Auditório Ibirapuera

Giovanna Leopoldi / Fone: 11.3629-1017

imprensa.auditorioibirapuera@itaucultural.org.br

giovanna.leopoldi@conteudonet.com

Isadora Bertolini / Fone: 11.5056-9813

isadora.bertolini@conteudonet.com

www.conteudocomunicacao.com.br

www.twitter.com/agenciaconteudo

www.facebook.com/agenciaconteudo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s