O poema de Jefferson Pereira

Lentamente,
Absorvi o
Mau tempo
Da alma e
Recorri aos
Prazeres
Poéticos,
Às prosas
Humanas.
Ao contínuo
Esgarçar das
Palavras frias.

jefferson-pereira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s