Renata Rosa apresenta o show do disco ‘Encantações’ no Itaú Cultural

A cantora e compositora paulista mostra o repertório do seu terceiro álbum, reunindo a força encantatória do universo poético musical nordestino e as referências urbanas da artista

 renata-rosa-14-04

 

 

O Itaú Cultural recebe no dia 23 de fevereiro (quinta-feira), às 20h, a cantora e compositora Renata Rosa, no show Encantações, seu terceiro disco. Recém-chegada dos festivais Celtic Connections, na Escócia, e Musicas del Mundo, no Chile, a artista apresenta o novo trabalho, que reúne a força encantatória dos universos poético-musicais do interior do nordeste brasileiro e  suas referências urbanas, buscando preservar a energia e força das manifestações culturais.

 

Acompanhada por Hugo Linns, no baixo e viola, Pepê da Silva na viola, violão de sete cordas e bandola, e Amendoim na percussão, músicos com os quais compartilha 15 anos de estrada, Renata Rosa apresenta no Itaú Cultural o resultado da imersão feita durante anos no Baixo São Francisco alagoano e da Mata Norte pernambucana. Renata viveu nessas regiões e nelas assimilou os cantos sinuosos e as polifonias vocais indígenas, os xangôs e a música e poesia dos cocos e das cirandas.

 

Estas referências são retratadas em parcerias como Marcha do Donzel, feita com Ariano Suassuna, e Saudade do Futuro, com Nilton Junior, e em canções autorais a exemplo de Janela do Dia e Me Leva, composição que integrou a trilha sonora da novela Velho Chico, da Rede Globo. O repertório é interpretado com a voz e as rabecas de Renata Rosa, mesclada a percussões, violas e polifonias vocais.

 

O disco

Renata Rosa tem uma trajetória de sucesso com os seus lançamentos de discos. O álbum de estreia, Zunido da Mata, lançado em 2003, recebeu no ano seguinte o Prêmio Choc de L’année, concedido pelo Le Monde de la Musique. O segundo trabalho, Manto dos Sonhos, de 2009, recebeu o Prêmio da Música Brasileira e foi indicado como Melhor Álbum pela World Music Central. Encantações, lançado no ano passado, segue o mesmo caminho e entrou na lista Top of the World, da publicação britânica Songlines, em fevereiro de 2017.

 

Neste disco, ela assina a produção musical, mergulhando com autonomia no domínio de sua obra autoral. O disco foi gravado em Recife e em São Paulo, e contou com uma banda formada por Hugo Linns (contrabaixo e violão), Helder Amendoim e Gilu Amaral (percussões), Pepê da Silva (viola de dez cordas, bandola), além das participações especiais de Ricardo Herz (violinos), Nahor Gomes (trompete e flugel) e Sidney Borgani (trombone).

 

Para dividir os coros e contracantos do álbum, Renata convidou Cema, Eberú, Yara, Suíra e Noraia Suíra, índias kariri-xocó e mestras da artista no canto sinuoso e polifônico caboclo. As músicas cantadas por elas ganharam imagens criadas especialmente para o disco, assinadas pelo artista visual da Ilha da Madeira, Daniel Vasconcelos Melim.

 

A artista

Renata Rosa tem um trabalho consolidado na cultura popular brasileira. De 1998 a 2008, no estado de Pernambuco, atuou no Cavalo-Marinho Boi Brasileiro, da cidade de Condado, e de 1997 a 2008 integrou o Maracatu Rural Estrela de Ouro, em Aliança. Em 2004, o seu projeto Corta o Pau foi selecionado pelo programa Rumos Itaú Cultural Música, resultando em um show homônimo apresentado na sede do Itaú Cultural em 2005, com um CD e DVD gravados.

 

Participou de mais de 200 apresentações na Europa, entre festivais e importantes cenas do jazz, com destaque para a Sala Flagey da Filarmônica de Bruxelas, Theatre des Bouffes du Nord. Em 2011, a convite do Museu do Louvre, dedicou-se à criação musical para o projeto Duos Éphémères – música moderna com filmes mudos, joias da cinematografia Mundial do inicio do século XX.

 

Recentemente, integrou a equipe criativa responsável pela trilha de abertura dos Jogos Olímpicos 2016, no Rio de Janeiro, e foi selecionada pelo Festival MIMO para representar a música brasileira no ShowCase Scotland 2017 ao lado de Yamandu Costa, Hamilton de Holanda e Baby do Brasil.

SERVIÇO

Renata Rosa, no show do disco Encantações

Dia 23 de fevereiro (quinta-feira), às 20h

Duração: 80 min

Classificação Indicativa: Livre

Sala Itaú Cultural (254 lugares)

Interpretação em Libras

Entrada gratuita

Distribuição de ingressos:

Público preferencial: 2 horas antes do espetáculo (com direito a um acompanhante)

Público não preferencial: 1 hora antes do espetáculo (um ingresso por pessoa)

Itaú Cultural

Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô

Fones: 11. 2168-1776/1777

Acesso para pessoas com deficiência

Ar condicionado

Estacionamento: Entrada pela Rua Leôncio de Carvalho, 108

Se o visitante carimbar o tíquete na recepção do Itaú Cultural:

3 horas: R$ 7; 4 horas: R$ 9; 5 a 12 horas: R$ 10.

Com manobrista e seguro, gratuito para bicicletas.

www.itaucultural.org.br

www.twitter.com/itaucultural

www.facebook.com/itaucultural

www.youtube.com/itaucultural

www.flickr.com/itaucultural

 

Assessoria de Imprensa:

Conteúdo Comunicação

Fone: 11.5056-9800

Cristina R. Durán: cristina.duran@conteudonet.com

Isadora Bertolini: Isadora.bertolini@conteudonet.com

Karinna Cerullo: cacau.cerullo@conteudonet.com

Roberta Montanari: roberta.montanari@conteudonet.com

No Itaú Cultural:

Larissa Correa

Fone: 11.2168-1950

larissa.correa@mailer.com.br

Carina Bordalo (programa Rumos)

Fone: 11.2168-1906

carina.bordalo@terceiros.itaucultural.com.br

www.conteudocomunicacao.com.br

www.twitter.com/agenciaconteudo

www.facebook.com/agenciaconteudo

libras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s