“Aquarius” é eleito o melhor filme no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

cena-do-filme-brasileiro-aquarius-dirigido-por-kleber-mendonca-filho-com-sonia-braga-no-elenco-1462821326064_956x500

 

A edição 2017 do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro consagrou “Aquarius” e “Elis”. O longa-metragem de Kleber Mendonça Filho foi escolhido o Melhor Filme, enquanto a produção dirigida por Hugo Prata saiu vencedora em oito categorias. A cerimônia de premiação aconteceu no dia 5 de setembro, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

Além do principal prêmio da noite, “Aquarius” também levou as categorias de Melhor Direção, para Kleber Mendonça Filho, e Trilha Sonora, para Mateus Alves. Já o prêmio de Melhor Filme pelo Júri Popular foi para “Boi Neon”, de Gabriel Mascaro, que também conquistou os prêmios de Melhor Ator, com Juliano Cazarré; Fotografia, para Diego Garcia; e Roteiro Original, para Gabriel Mascaro.

A cinebiografia de Elis Regina ganhou nas categorias Atriz (Andréia Horta), Montagem – Ficção (Tiago Feliciano), Fotografia (Adrian Teijido, que dividiu o prêmio com Garcia, de “Boi Neon”), Direção de Arte (Frederico Pinto), Trilha Sonora Original (Otavio de Moraes), Som (Jorge Rezende, Alessandro Laroca, Armando Torres Jr. e Eduardo Virmond Lima), Maquiagem (Anna Van Steen) e Figurino (Cristina Camargo).

Confira a lista completa de premiados no GP do Cinema Brasileiro 2017:

Melhor Longa-metragem de Ficção

“Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho

Melhor Longa-metragem Estrangeiro

“A chegada”, de Denis Villeneuve

Melhor Longa-metragem Comédia

“O Shaolin do sertão”, Halder Gomes

Melhor Longa-metragem Documentário

“Cinema Novo”, de Eryk Rocha

“Menino 23 — Infâncias perdidas no Brasil”, de Belisario Franca

Melhor Direção

Kleber Mendonça Filho, por “Aquarius”

Melhor Atriz

Andréia Horta, por “Elis”

Melhor Ator

Juliano Cazarré, por “Boi Neon”

Melhor Atriz Coadjuvante

Laura Cardoso, por “De onde eu te vejo”

Melhor Ator Coadjuvante

Flavio Bauraqui, por “Nise – O coração da loucura”

Melhor Roteiro Adaptado

Fil Braz e Paulo Gustavo, por “Minha mãe é uma peça 2”

Hilton Lacerda e Ana Carolina Francisco, por “Big Jato”

Melhor Roteiro Original

Domingos Oliveira, por “BR716”

Gabriel Mascaro, por “Boi Neon”

Melhor Montagem – Documentário

Renato Vallone, por “Cinema Novo”

Melhor Montagem – Ficção

Tiago Feliciano, por “Elis”

Melhor Direção de Fotografia

Adrian Teijido, por “Elis”

Diego Garcia, por “Boi Neon”

Melhor Direção de Arte

Frederico Pinto, por “Elis”

Melhor Trilha Sonora

Mateus Alves, por “Aquarius”

Melhor Trilha Sonora Original

Otavio de Moraes, por “Elis”

Melhor Som

Jorge Rezende, Alessandro Laroca, Armando Torres Jr. e Eduardo Virmond Lima, por “Elis”

Melhor Efeito Visual

Marcelo Siqueira, por “Pequeno segredo”

Melhor Maquiagem

Anna Van Steen, por “Elis”

Melhor Figurino

Cristina Camargo, por “Elis”

Melhor Curta-metragem Animação

“Vida de boneco”, de Flávio Gomes

Melhor Curta-metragem Ficção

“O melhor som do mundo”, de Pedro Paulo de Andrade

Melhor Curta-metragem Documentário

“Buscando Helena”, de Ana Amélia Macedo e Roberto Berliner

Anúncios

Um comentário sobre ““Aquarius” é eleito o melhor filme no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s