Robson Miguel e Luedji Luna participam da série Diálogos Ausentes e encerram os debates sobre o negro na música com show da cantora

Participam da conversa, ainda, dois artistas selecionados pela chamada aberta, Luciane Dom e Matéria Prima; eles falam sobre músicas dos guetos, coros eruditos, ritmos das ruas, vozes clássicas, afro-pop, samba reggae e cantos líricos e a resistência da música negra

Luedji Luna_Foto_ Tássia Nascimento

Luedji Luna (Foto: Tássia Nascimento)

O terceiro e último encontro para debater a presença de artistas negros no campo da música, encerrando o ciclo com este tema na série Diálogos Ausentes, acontece no dia 14 de setembro (quinta-feira), às 20h. Idealizado pelo Itaú Cultural e com mediação de Diane Lima, criadora do projeto AfroTranscendence, quatro pessoas compõem a mesa: a cantora e compositora Luedji Luna e o violonista Robson Miguel, e mais dois artistas selecionados pela chamada aberta – a cantora Luciane Dom e o MC mineiro Matéria Prima, que falam sobre os seus trabalhos. Em sinergia com o debate, no dia seguinte, Luedji realiza o show Um Corpo no Mundo, no instituto.

Entre os assuntos em pauta neste encontro do Diálogos Ausentes, os convidados falam sobre músicas dos guetos, coros eruditos, ritmos das ruas, vozes clássicas, afro-pop, samba reggae e cantos líricos. Está na pauta, também, a resistência da música negra, seja no seu discurso ou na sua estética, além dos desafios de uma carreira independente e futuras possibilidades na área.

Luciane Dom_Foto_André Rola

Luciane Dom (Foto André Rola

Robson Miguel é um dos mais conhecidos violonistas brasileiros e, com seu estilo versátil, traz um conceito contemporâneo nos arranjos do violão, dominando os mais variados estilos musicais. O músico é fundador da Orquestra Sinfônica de Santo André e da Orquestra Sinfônica Kalein de Madri, na qual também é maestro e arranjador. Em sua carreira, ele tem mais de 130 composições de sua autoria escritas para violão solo, duos, grupos, big-bands, orquestra popular e sinfônicas.

A cantora e compositora Luedji Luna é considerada uma aposta para a música negra brasileira. Com influências do jazz e da MPB, ela intensifica com a espiritualidade a sua identidade negra. No final de 2016, o lançamento do videoclipe da canção Um corpo no mundo recebeu ótima repercussão e elogios de músicos renomados como Chico César e Tiganá Santana.

Matéria Prima_Foto_Ruy Fraga _

Matéria Prima (Foto Ruy Fraga)

Desde abril do ano passado, o Itaú Cultural realiza a série Diálogos Ausentes com o intuito de analisar entre o público, artistas e especialistas a representação dos negros em uma área de expressão diferente, a cada três meses. Em 2016, o primeiro bloco de três encontros discutiu as artes visuais; na sequência, os debates foram sobre as artes cênicas – com foco no teatro – e, por fim, o audiovisual, sobre o olhar do cinema negro. Neste ano, também houve debate sobre o negro na dança e na literatura, finalizando com o tema da música.

Um Corpo no Mundo

Na sexta-feira, dia 15, também às 20h, Luedji Luna realiza o show Um Corpo no Mundo, reunindo canções que trazem nuances sobre a feminilidade, a negritude, a espiritualidade, o cotidiano urbano e a diáspora africana. Com influências do jazz, da MPB, e das sonoridades de terreiro, a cantora traz em seu repertório esse reencontro com a força negra feminina. Acompanhada dos músicos Renan Lima, Kabé Pinheiro, Luan Charles e Bruna Duarte, Luedji apresenta as músicas Dentro Ali, Metáfora, Mel y Dendê, Banho de Folhas, Um Corpo no Mundo, Na Rua, entre outras.

Nascida em Salvador, Luedji iniciou seus estudos em música na Escola Baiana de Canto Popular, foi cofundadora do coletivo M.O.V.A, formado por compositoras soteropolitanas, e membro do Bando Cumatê, coletivo engajado na pesquisa, difusão, e fomento das manifestações artísticas tradicionais da cultura brasileira.  Em 2013, foi vencedora da etapa regional do Festival da Canção Francesa, realizado pela Aliança Francesa. Desde 2015 residindo em São Paulo, a cantora já se apresentou no Puxadinho da Praça, Kabul Bar, Sesc Riberão Preto, Sesc Interlagos, Sesc Jundiaí, Bourbon Street e Café Piu-Piu, onde realizou seu primeiro show na capital paulista.

O CD de Um Corpo no Mundo, seu primeiro disco, está em financiamento coletivo e deve ser lançado em breve, com produção de Sebastian Notini, sueco radicado na Bahia, produtor dos dois últimos discos de Tiganá Santana e do álbum Mama Kalunga, de Virginia Rodrigues, vencedora do último Prêmio da Música Popular Brasileira. O videoclipe homônimo foi lançado no final do ano passado, e atingiu ótima repercussão com o público.

Robson Miguel_Foto_Paula Araújo

Robson Miguel (Foto_Paula Araújo)

Robson Miguel

Um dos principais nomes no mundo quando o assunto é violão, Robson Miguel é o único brasileiro que conquistou o título internacional pelo Círculo Violonístico de Madrid, na Espanha, como o primeiro do ranking mundial de violonistas, título confirmado pela Câmara Brasileira de Cultura e pelo Prêmio Quality Internacional do Mercosul. Em junho de 2014, ele fez uma turnê pela Europa, onde se apresentou na Suíça, Itália e Espanha, e gravou o seu 19º DVD Viva Brasil dentro de três castelos da Suíça.

Luciane Dom

Cantora, compositora, e estudante de História da Uerj, ganhou diversos prêmios no Festival da Canção promovido pelo Sesc/Três Rios, participou do Festival JazzAHEAD, na Hípica do Rio de Janeiro em 2016, e do I Festival de Jazz & Blues de Duque de Caxias como artista revelação. Ficou entre as 10 melhores canções do Brasil no Festival da Alta Mogiana – 6ª edição. Já cantou com BNegão, Thalma de Freitas, Márcio Local, Mc Marechal, Gabriel Moura e em 2016 fez uma turnê com o cantor haitiano Vox Sambou. Integrou o Samba Trançado, em parceria com o cantor Mombaça, além das bandas Tchotchomeri, A Quebrada e Consciência Tranquila.

 

Matéria Prima

Thiago Augusto, também conhecido como Matéria Prima, é um dos MC`s mais destacados na cena do rap mineiro. Participou de grupos como Quinto Andar e Subsolo, trabalhos que o tornaram uma das referências do até então chamado rap underground no Brasil. Hoje ele é um dos integrantes da banda mineira Zimun, um dos principais nomes da cena musical de Belo Horizonte. Por pesquisar intensamente o rap norte americano, aprendeu inglês de forma autodidata, permitindo ser o intérprete de África Bambaataa em sua passagem pelo Brasil. Seu trabalho é marcado pelo cuidado rigoroso com a escrita, o que resulta em rimas e metáforas desafiadoras, construindo cenários mentais que abordam a rua, a vida e as particularidades humanas como receios, anseios, potencialidades e limitações.

Assista os encontros do Diálogos Ausentes

 

Diálogos Ausentes – O Negro na Música
Dia 14 de setembro (quinta-feira), às 20h
Mediadora: Diane Lima
Convidados: Luedji Luna e Robson Miguel
Selecionados pela chamada aberta: Luciane Dom e Matéria Prima
Duração: 180 minutos
Classificação indicativa: 14 anos
Interpretação em Libras

Show Um corpo no mundo, com Luedji Luna
Dia 15 de setembro (sexta-feira), às 20h
Duração: 60 minutos
Classificação indicativa: Livre
Interpretação em Libras

Sala Itaú Cultural – 224 lugares
Entrada gratuita
Distribuição de ingressos:
Público preferencial: 2 horas antes do espetáculo (com direito a um acompanhante)
Público não preferencial: 1 hora antes do espetáculo (um ingresso por pessoa)
Estacionamento: Entrada pela Rua Leôncio de Carvalho, 108
Se o visitante carimbar o tíquete na recepção do Itaú Cultural: 3 horas: R$ 7;
4 horas: R$ 9; 5 a 12 horas: R$ 12.
Com manobrista e seguro, gratuito para bicicletas.
Acesso para deficientes físicos / Ar condicionado
Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149 (Estação Brigadeiro do Metrô)
Fones: 11 2168-1776/1777
atendimento@itaucultural.org.br
http://www.itaucultural.org.br
http://www.twitter.com/itaucultural
http://www.facebook.com/itaucultural
http://www.youtube.com/itaucultural
http://www.flickr.com/itaucultural
Assessoria de Imprensa:
Conteúdo Comunicação
Fone: 11.5056-9800
Cristina R. Durán: cristina.duran@conteudonet.com
Amanda Viana: amanda.viana@conteudonet.com
Karinna Cerullo: cacau.cerullo@conteudonet.com
Roberta Montanari: roberta.montanari@conteudonet.com
No Itaú Cultural:
Larissa Correa: larissa.correa@terceiros.itaucultural.org.br
Fone: 11.2168-1950
Carina Bordalo (programa Rumos): carina.bordalo@terceiros.itaucultural.org.br
Fone: 11.2168-1960
http://www.conteudocomunicacao.com.br
http://www.twitter.com/agenciaconteudo
http://www.facebook.com/agenciaconteudo

libras

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s