Itaú Cultural apresenta shows de Lilian Carmona e Sambas do Absurdo

Com shows no sábado e no domingo e destaque para o ritmo diversificado do Brasil, o fim de semana no instituto traz repertórios com samba, pop, salsa, música afro e instrumental, além de questionamentos existencialistas

 

Lilian Carmona_foto1 Alexandre Nunes

Lilian Carmona (Foto: Alexandre Nunes)

A programação musical, no fim de semana dos dias 16 e 17 de setembro (sábado e domingo), traz a diversidade dos ritmos brasileiros. No repertório do grupo Sambas do Absurdo, no primeiro dia, tem muito samba – este espetáculo oferece interpretação em Libras, a Língua Brasileira dos Sinais. O set list de Lilian Carmona, no segundo dia, traz pop, salsa e música afro.

Sambas do Absurdo, formado por Gui Amabis, Juçara Marçal e Rodrigo Campos, leva ao palco um samba diferente, quebrando fundamentos enquanto gênero musical, com uma versão mais obscura e vertiginosa. O show é inspirado no ensaio filosófico de Albert Camus O Mito de Sísifo, publicado em 1941. Nele, o escritor introduz sua filosofia do absurdo, em que o homem busca sentido em um mundo ininteligível desprovido de Deus.

Assim, o grupo traz em sua música um encontro com o absurdo, apresentado como o divórcio do indivíduo com a própria vida, desprovida de sentido e para a qual somente haveria duas soluções: interrompê-la ou aprender vive-la absurdamente.

O trio apresenta sambas do novo disco, homônimo ao grupo, compostos por Rodrigo Campos e Nuno Ramos, além das canções do repertório autoral dos músicos. O setlist da banda, que tem Juçara no vocal, Rodrigo no violão e Gui no cavaco, é composto pelos oito sambas do disco e composições como Dois Sozinhos, de Rodrigo Campos e Nuno Ramos, Beco e Ribeirão, de Rodrigo Campos, eMenino Horrível de autoria coletiva de toda a banda.

Para os seus 45 anos de carreira, a renomada baterista brasileira, primeira mulher a tocar profissionalmente, Lilian Carmona apresenta a sua nova banda instrumental. Reconhecida por sua criatividade, coordenação motora excepcional e grooves personalizados, ela traz um novo arranjo musical mesclando jovialidade e a maturidade da carreira.

Com um show cheio de energia, Lilian surpreende o público com o repertório sofisticado, mixando o eletrizante com o sutil. Além disso, vai na contramão do cenário atual da música instrumental e apresenta uma banda menor, formada por 10 integrantes – são dois teclados, baixo, guitarra, trombone, dois saxs/flautas, dois trumpets e os tambores magistrais da cantora. Tem, ainda, a colaboração da compositora Debora Gurgel, para os arranjos, e orquestrações de Julio Cesar Figueiredo. No repertório estão composições como Yatrata, de Tania Maria, Bem Vinda, de Celinha Carmona, Aquelas Coisas Todas, de Toninho Horta, Close to Home, de Lyle Mays.

 

SambasdoAbsurdo_foto2 LuanCardoso

Sambas do Absurdo (Foto de LuanCardoso)

Gui Amabis

É cantor, compositor, multi-instrumentista e produtor musical. Lançou três álbuns consagrados pela crítica especializada, Ruivo Em Sangue, Trabalhos Carnívoros, Memórias Luso/Africanas e é autor de temas e canções para trilhas de filmes e séries de sucesso, como Bruna Surfistinha, Cidade dos Homens e Psi (HBO). Assina também músicas que entraram para o repertório de artistas como Otto e Lucas Santtana.

Juçara Marçal

É uma das maiores vozes da música brasileira atual. Seu álbum solo, Encarnado, considerado um dos melhores de 2014 pela crítica especializada, foi laureado pelos prêmios Multishow, APCA, Governador do Estado, entre outros. Com a banda Metá Metá, formada também por Kiko Dinucci e Thiago França, lançou três discos Metá Metá, Metal Metal e MM3. Em 2015, divulgou o álbum Anganga, parceria com o músico Cadu Tenório.

 

Lilian Carmona

Começou a tocar bateria aos 11 anos, já se apresentando em programas de TV com seu primeiro grupo, o Sibalanço Trio. Aos 17 tornou-se profissional, integrando o grupo do maestro Amilson Godoy, gravando a trilha sonora do programa Vila Sésamo. Autodidata até os 19 anos, buscou aperfeiçoamento na Berklee College of Music (Boston/USA) e na escola de Dante Agostini/Kenny Clarke (Paris/França).

Tocou e gravou com artistas de expressão como, Gal Costa, Toquinho, Dominguinhos, Michel Legrand, George Shearing, Steve Ross, Luiz Eça, Nara Leão, entre outros. Foi convidada especial de várias orquestras, entre elas a Royal Philharmonic of London (sob a regência de Ettore Stratta). Integrou a legendária 150 Night Club Band do Macksoud Plaza Hotel e a Banda Sinfônica Jovem de São Paulo, nas peças Ópera-rock TommyViagem ao centro da terra, sendo solista no Tributo a Gilberto Gil.

No teatro, entre as produções brasileiras de musicais da Broadway que contaram com sua atuação, estão, A Bela e a FeraHair Spray, entre outros. É requisitada internacionalmente para ministrar master classes de bateria (como na Berklee College of Music em 2012), é professora da EMESP- Tom Jobim e lidera uma banda instrumental.

Rodrigo Campos

É cantor, compositor e multi-instrumentista, autor dos premiados álbuns São Mateus Não é Um Lugar Assim Tão Longe, Bahia Fantástica e Conversas com Toshiro, que ganharam reconhecimento internacional. Ao lado de Romulo Fróes, Kiko Dinucci e Marcelo Cabral, faz parte da banda Passo Torto, que lançou os álbuns Passo Torto, Passo Elétrico e Thiago França (este último em parceria com Ná Ozzetti), e recebeu o troféu de Melhor Grupo no Prêmio da Música Brasileira. Além desses trabalhos, ele assina colaborações com grandes nomes da MPB, como Elza Soares, Tom Zé e Criolo.

 

Sambas do Absurdo
Com Juçara Marçal, Rodrigo Campos e Gui Amabis
16 de setembro, sábado, às 20h
Duração: 80 minutos
Classificação indicativa: Livre
Sala Itaú Cultural
224 lugares
Entrada gratuita
Distribuição de ingressos:
Público preferencial: duas horas antes do evento | com direito a um acompanhante
Público não preferencial: uma hora antes do evento | um ingresso por pessoa
Interpretação em Libras

Lilian Carmona
17 de setembro, domingo, às 19h
Duração: 80 minutos
Classificação indicativa: Livre
Local: Sala Itaú Cultural
224 lugares
Entrada gratuita
Distribuição de ingressos:
Público preferencial: duas horas antes do evento | com direito a um acompanhante
Público não preferencial: uma hora antes do evento | um ingresso por pessoa

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô
Fones: 11. 2168-1776/1777
Acesso para pessoas com deficiência física
Ar condicionado
Estacionamento: Entrada pela Rua Leôncio de Carvalho.
Se o visitante carimbar o tíquete na recepção do Itaú Cultural:
3 horas: R$ 7; 4 horas: R$ 9; 5 a 12 horas: R$ 12
Com manobrista e seguro, gratuito para bicicletas.
http://www.itaucultural.org.br
http://www.twitter.com/itaucultural
http://www.facebook.com/itaucultural
http://www.youtube.com/itaucultural
http://www.flickr.com/itaucultural

Assessoria de Imprensa:
Conteúdo Comunicação
Fone: 11.5056-9800
Cristina R. Durán: cristina.duran@conteudonet.com
Amanda Viana: amanda.viana@conteudonet.com
Karinna Cerullo: cacau.cerullo@conteudonet.com
Roberta Montanari: roberta.montanari@conteudonet.com
No Itaú Cultural:
Larissa Correa
Fone: 11.2168-1950
larissa.correa@terceiros.itaucultural.org.br
Carina Bordalo (programa Rumos)
Fone: 11.2168-1906
carina.bordalo@terceiros.itaucultural.org.br
http://www.conteudocomunicacao.com.br
http://www.twitter.com/agenciaconteudo
http://www.facebook.com/agenciaconteudo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s