Clara Nunes ganha tributo na voz de Jesuane Salvador

Cantora mineira interpreta os sucessos da sambista, que faria 75 anos

Jesuane Salvador 2

Jesuane Salvador

Neste sábado (14), a cantora mineira Jesuane Salvador homenageia os 75 anos de Clara Nunes em um espetáculo na agenda do Sesc Minas ao Luar. O show ocorre às 21h, no Parque José Affonso Junqueira, no Centro da cidade. A entrada é gratuita.

No show,  a força interpretativa da cantora interpreta os principais sucessos da também mineira Clara Nunes e canta também em homenagem a compositores como Candeia, Nelson Cavaquinho, Paulo César Pinheiro, entre outros nomes da música brasileira.  Com uma formação típica do samba, a cantora traz ao palco todas as afinidades que seu trabalho e voz possuem com Clara.

O show pretende oferecer ao público acesso a obras que já fazem parte de nossa lembrança auditiva, motivando o gosto por sonoridades que vão além dos apelos midiáticos, mas encantam, através de um roteiro que propõe uma viagem musical que atravessa o tempo e atinge um público extremamente amplo, valorizando a vida e obra de uma das maiores cantoras brasileiras na voz de outra mineira, cuja carreira tem demonstrado extrema dedicação e qualidade em suas produções.

No espetáculo fica evidente também as similaridades entre as duas cantoras. As afinidades chamam a atenção. “A essência de Clara Nunes brilha em Jesuane Salvador”, afirmou o violonista e pesquisador mineiro, Gilvan de Oliveira.

Além de cantora, Jesuane Salvador é também pesquisadora de cultura popular, com trabalhos de preservação do congado mineiro. Com isso, ela diz sentir imensa apropriação pelo repertório.

 “Clara Nunes é, sem dúvidas, a maior cantora mineira de todos os tempos. Sua contribuição à música brasileira atravessou o tempo e rompeu as barreiras e preconceitos antes atribuídos à música inspirada pela cultura popular, deixando um legado de centenas de canções que são, até os dias atuais, tidas como hinos do samba brasileiro. Cantora de voz forte, sorriso largo e raízes calcadas na cultura popular, no samba, nos tambores de minas, no congado, na herança cultural afro-brasileira. Cresci entre os tambores de minha Minas Gerais, tenho a alegria de ser acolhida pelos ternos, ser neta de congadeiro e entender que apenas a força do povo é que legitima um artista. Há muito tempo tenho ‘namorado’ a ideia de cantar Clara e em minhas apresentações sempre fazia algo de seu repertório, mas as pessoas me pediram por tantas vezes dedicar um espetáculo a ela que decidi fazer isto este ano. Creio que conseguimos sair da ideia da ‘personagem’ Clara, em suas indumentárias e religiosidade para trazer a Clara mineira, do samba, do povo, em um repertório que transita muito entre a história dela e a minha. Estou muito feliz com o resultado”, afirmou Jesuane Salvador.

Clara Nunes e Jesuane Salvador: mais sobre o show
O espetáculo conta com Renato Felipe (cuíca, tan-tan, surdo congas), Ramon Domingos (pandeiro, tamborim, reco-reco, congas), Roger Domingos (cavaco), André Batiston (violão), Geléia (baixo) e Matheus Daniel (bateria). O projeto é patrocinado pelo DME e tramita na Lei Rouanet.

 “Nossa ideia é percorrer o Brasil apresentando nossa Clara e as raízes de Minas que moldaram sua personalidade e voz através das mesmas raízes que partilhamos. Para isso, tenho a alegria de estar ao lado de músicos que são genuinamente do samba”.

Jesuane Salvador

Jesuane Salvador

O quê: Minas ao Luar, em Poços de Caldas
Quando:  sábado (14) ás 21h
Onde: Parque José Affonso Junqueira, s/n, Centro
Ingresso: gratuito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s