Concrescer: Casa das Rosas inaugura exposição com obras inspiradas na poesia concreta de Augusto de Campos e Décio Pignatari

2014-761053941-2014-760076090-augusto-de-camposimg_1381pb.jpg_20141014.jpg_2

 

A Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos apresenta, a partir do dia 15 de novembro, sua nova exposição de curta duração. Intitulada Concrescer, a mostra apresenta nove trabalhos realizados pelos artistas Francisco Zorzete e Jorge Bassani, criados a partir de poemas emblemáticos da poesia concreta realizados pelos poetas Augusto de Campos, Décio Pignatari, Pedro Xisto e José Lino Grünewald. Concrescer é uma série de trabalhos que propõe libertar a poesia da impressão enclausurada em livros e revistas e capturar a experiência urbana por meio da linguagem.

Entre os destaques da exposição encontram-se  A Rosa Doente, uma instalação criada a partir de um poema de W. Blake traduzido por Augusto de Campos, em forma de espiral, e “Concretus”, instalação em tubos de PVC, inspirado no poema Concretus, do poeta pernambucano Pedro Xisto.

“Propomos ao leitor perceber o poema no espaço e interagir com ele, explicam os artistas Francisco Zorzete e Jorge Bassani. A dupla fez parte do Grupo Manga Rosa, coletivo de intervenção artística que atuou entre 1979 e 1982, na capital paulista.

 “A exposição Concrescer redimensiona poemas concretos no espaço da Casa das Rosas, de modo a permitir que visitantes de diferentes perfis possam usufruir de uma intensa experiência poética e sensorial. Nada mais pertinente, no museu da Avenida Paulista dedicado às transformações e à pluralidade de vozes na literatura e na cidade”, conta Marcelo Tápia, diretor do Museu.

A Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos integra a Rede de Museus-Casa Literários da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciada pela Poiesis.

 

Francisco Zorzete

Artista plástico e restaurador, iniciou suas atividades nos anos 1970, no coletivo artístico Grupo Manga Rosa, atuando especialmente com arte ao ar livre. Participou também da criação de obras visuais inspiradas em poemas concretos e de diversas exposições com outros artistas durante a década de 1980, passando a dedicar-se à preservação do patrimônio histórico a partir dos anos 1990.

Jorge Bassani

Desde 1980 desenvolve trabalhos na área de Arte & Cidade, autor de esculturas e intervenções temporárias, principalmente em São Paulo. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Braz Cubas, mestrado e doutorado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo. Tem especialidade em História da Cidade e do Urbanismo, atuando principalmente nos seguintes temas: arte e cidade, arte urbana, a cidade contemporânea, arte e ambiente e arquitetura e cultura.

A Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos é um museu dedicado à poesia, à literatura, à cultura e à preservação do acervo bibliográfico do poeta paulistano Haroldo de Campos, um dos criadores do movimento da poesia concreta, na década de 1950. Localizada em uma das avenidas mais importantes da cidade de São Paulo – Avenida Paulista – o espaço realiza intensa programação de atividades gratuitas, como oficinas de criação e crítica literárias, palestras, ciclos de debates, exposições, apresentações literárias e musicais, saraus, lançamentos de livros, performances e apresentações teatrais, entre outros.

A POIESIS – Organização Social de Cultura é uma organização não governamental que desenvolve e gere programas e projetos, pesquisas e espaços culturais, museológicos e educacionais voltados para a formação complementar de estudantes e do público em geral. A instituição trabalha com o propósito de propiciar espaços de acesso democrático ao conhecimento, de estímulo à criação artística e intelectual e de difusão da língua e da literatura.

decio-pignatari-ideias-que-nao-morrerao.html

Exposição Concrescer

Abertura: 15/11, quarta-feira

15/11/2017 a 31/03/2018. De terça a sábado, das 10h00 às 22h00. Domingo e feriados, das 10h00 às 18h00.

Atividade gratuita, sem necessidade de inscrição prévia.

Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura

Avenida Paulista, 37 – próximo à estação Brigadeiro do metrô.

Funcionamento: de terça a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 10h às 18h.

Convênio com o estacionamento Parkimetro: Alameda Santos, 74 (exceto domingos e feriados).

Telefone: (11) 3285-6986 | (11) 3288-9447 | http://www.casadasrosas.org.br

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s