Ciclo de palestras na Casa-Museu Ema Klabin mostra a importância da mulher na arte e na literatura e faz homenagem à Zelia Gattai

Zélia-Gattai-Amado-de-Faria

 

A Casa-Museu Ema Klabin, no jardim Europa, em São Paulo, promove um ciclo de palestra “Mulheres e Seus Saberes” com professores especialistas no assunto. Durante o ano, serão oferecidas onze palestras com diferentes olhares que mostram o protagonismo feminino.  As inscrições podem ser realizadas no site do museu.

A pesquisadora Ana Beatriz Demarchi Barel e a professora Elaine Dias abrem o ciclo de palestras no dia 3 de março com os temas “Em Textos e Telas: A Representação da Mulher e do Universo Feminino & A Formação Artística das Mulheres no Século XIX”. Tanto concreta como simbolicamente a mulher firma seu lugar no mundo, trazendo contribuições de inegável importância para o enriquecimento da humanidade.

No dia 17 de março, Ana Beatriz Demarchi Barel ministra a palestra “ Zélia Gattai: A Luminosa Existência de Uma Paulistana do Bixiga”. Pretende-se apresentar a riqueza de uma mulher solar e generosa que nos inspira à reflexão sobre as potencialidades do feminino.

No dia 24 de março, o pós-doutor pela Universidade de Columbia, Marcos Fabris, ministra a palestra “A construção e a avaliação do feminino na fotografia latino-americana”, o encontro investiga os recursos artístico-fotográficos utilizados para construção de um tipo específico de “feminino” no âmbito da indústria da notícia na América Latina. Na contramão de tais modos encontra-se a produção artístico-fotográfica de Grete Stern, fotógrafa alemã radicalizada na Argentina. O conjunto de sua obra problematizará o local social ocupado pelas mulheres, emancipando assim as artes fotográficas em solo latino-americano.

Em abril, dia 7, a palestra “O romance e o lugar da mulher na consolidação da família nuclear” será ministrado pela professora Valéria De Marco. A revolução industrial e a francesa significaram a transferência do poder político e econômico a uma nova classe social: a burguesia. As profundas transformações da vida social estenderam-se a todos os aspectos da sociedade e, nos que mais concernem ao mundo da cultura. Nesse contexto, o romance tornou-se a forma literária hegemônica que permite compreender o novo lugar da mulher na consolidação de um novo modelo de família, dominante até os dias atuais.

Universidade Estadual de Goiás (UEG). Realizou residência em pesquisa na Biblioteca Brasiliana Mindlin da USP sobre relações França-Brasil no século XIX.  Estudou história da arte na Ecole du Musée du Louvre. É doutora em literatura brasileira pela Université Paris III Sorbonne Nouvelle.

Elaine Dias é doutora em História pela UNICAMP, docente no Departamento de História da Arte da UNIFESP e dedica-se em suas pesquisas às relações entre a França e o Brasil no século XIX.

Valéria De Marco doutora em Teoria Literária e Literatura Comparada (USP), Professora de Literatura Espanhola no Departamento de Letras Modernas (USP), Coordenadora no Brasil do projeto internacional EDI-RED Historia Cultural de la edición Iberoamericana (ss. XIX-XX), Diretora presidente da Edusp (Editora da Universidade de São Paulo.)

Marcos Fabris é doutor pela FFLCH-USP com pós-doutorado na Universidade de Columbia -Nova York, Université Paris Ouest Nanterre – Paris, MAC-USP, FFLCH-USP – São Paulo e UNIFESP São Paulo. É autor dos livros Correspondências: pintura, fotografia e o retrato da modernidade e Trabalho da encenação – ensaios sobre fotografia norte-americana. Suas publicações e palestras mais significativas incluem reflexões sobre arte moderna europeia e fotografia europeia, norte-americana e latino-americana.

Ciclo de palestras ‘Mulheres e Seus Saberes’

3 de março –   das 11h às 13 h-  Em Textos e Telas: A Representação da Mulher e do Universo Feminino (Ana Beatriz Demarchi Barel) e A Formação Artística das Mulheres no Século XIX (Elaine Dias) –   30 vagas –  R$35,00

17 de março – das 11h às 13 h-  Zélia Gattai: A Luminosa Existência de Uma Paulistana do Bixiga (Ana Beatriz Demarchi Barel) – 30 vagas – R$40,00

24 de março – das 11h às 13 h-   A construção e a avaliação do feminino na fotografia latino-americana (Marcos Fabris) – 30 vagas – Valor: R$40,00

7 de abril – das 11h às 13 h-  O romance e o lugar da mulher na consolidação da família nuclear (Valéria De Marco) – 30 vagas – R$40,00

Indicação: livre

Inscrição: www.emaklabin.org.br

Casa- Museu Ema Klabin

EndereçoRua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo. Telefone (11) 3897-3232

iclo de palestras ‘Mulheres e Seus Saberes’

3 de março –   das 11h às 13 h-  Em Textos e Telas: A Representação da Mulher e do Universo Feminino (Ana Beatriz Demarchi Barel) e A Formação Artística das Mulheres no Século XIX (Elaine Dias) –   30 vagas –  R$35,00

17 de março – das 11h às 13 h-  Zélia Gattai: A Luminosa Existência de Uma Paulistana do Bixiga (Ana Beatriz Demarchi Barel) – 30 vagas – R$40,00

24 de março – das 11h às 13 h-   A construção e a avaliação do feminino na fotografia latino-americana (Marcos Fabris) – 30 vagas – Valor: R$40,00

7 de abril – das 11h às 13 h-  O romance e o lugar da mulher na consolidação da família nuclear (Valéria De Marco) – 30 vagas – R$40,00

Indicação: livre

Inscrição: www.emaklabin.org.br

Casa- Museu Ema Klabin

EndereçoRua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo. Telefone (11) 3897-3232

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s