Filme de Agnès Varda e JR é exibido em esquenta realizado pelo Itaú Cultural para a Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

Visages, Villages foi exibido na edição de 2017 da Mostra Internacional, que homenageou a cineasta com uma retrospectiva de seus mais importantes filmes e o Prêmio Humanidade. O documentário registra encontros dela e do artista visual JR em uma viagem de caminhão pelo interior da França e integra a programação de cinema que o instituto realiza em outubro em parceria com a MIC, além de sediar o II Fórum Mostra Internacional de Cinema

 

A programação de cinema que o Itaú Cultural realiza todas as terças-feiras apresenta no dia 9 de outubro, às 19h, Visages, Villages (rostos e lugares, em tradução livre), documentário com direção e roteiro da cineasta belga Agnès Varda, um dos principais nomes do cinema mundial, e do artista visual, fotógrafo e diretor francês JR. O filme integra a programação audiovisual do instituto, que, em outubro, acontece em sinergia com a Mostra Internacional de Cinema (MIC), com exibições de filmes da edição do ano passado e produções da programação de 2018, realizando, ainda, debates voltados aos aspectos mercadológicos e artísticos do cinema, sob a análise de diferentes especialistas do setor.

 

Vencedor do Olho de Ouro de Melhor Documentário no Festival de Cannes do ano passado, Visages, Villages marca o retorno da cineasta, em 2017, aos 89 anos, após um breve distanciamento do cinema. Realizado em parceria com JR, o documentário registra uma viagem de caminhão que os dois fizeram pela área rural da França, em encontros e desencontros com conhecidos e desconhecidos, com quem eles trocaram ideias, informações e realidades de cada um e os fotografaram em retratos que compõem o filme.

 

Agnès e JR têm em comum a paixão por imagens. Mais particularmente, o questionamento sobre os lugares onde elas são mostradas e a maneira como são compartilhadas e expostas. Ela escolheu o cinema. Ele preferiu criar galerias fotográficas ao ar livre. Quando os dois se conheceram, em 2015, imediatamente decidiram trabalhar juntos em um filme pelo interior da França.

 

Sempre ligada à Mostra, neste mês, a programação das terças-feiras de cinema no Itaú Cultural, traz no dia 16, também às 19h, Heartstone, filme dirigido por Gudmundur Arnar Gudmundsson, que registra um verão turbulento de dois adolescentes em uma remota vila de pescadores na Islândia. Nas duas últimas terças-feiras, o público confere na Sala Itaú Cultural dois títulos da programação oficial da 42ª edição da Mostra Internacional de Cinema, e de 24 a 26 de outubro sedia o II Fórum Mostra Internacional de Cinema.

 Visages Villages_divulgação_2

Varda e JR

Principal nome feminino da Nouvelle Vague e uma das mais importantes cineastas da história, a belga Agnès Varda estreou no cinema com La Pointe Courte (1955), iniciando uma extensa e reconhecida trajetória, com premiações em festivais comoCannes, Locarno e San Sebastián. Casada com o também cineasta Jacques Demy (1931-1990), atuou nos anos 1970 e 1980 em documentários, ficções, curtas e longas-metragens, vencendo o Leão de Ouro e o Prêmio da Crítica do Festival de Veneza comOs Renegados (1985).

 

Após a morte de Demy, teve em sua produção dois filmes dedicados a ele, e nos anos 2000 passou a trabalhar os documentários com abordagem reflexiva, memorialística e irreverente, se colocando como personagem e voz ativa nos filmes. Em outubro de 2017, foi homenageada pela 41ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, com retrospectiva de seus mais importantes filmes e o Prêmio Humanidade. Em novembro, recebeu da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood um Oscar honorário pelo conjunto de sua obra.

 

JR nasceu na França em 1983. É artista visual, fotógrafo e diretor, conhecido por expor imensas colagens em muros, escadarias e ruas de diversos países do mundo. Estreou na direção com o longa documental Women Are Heroes (2010), e já dirigiu também os curtas-metragens Ellis, les Bosquets e Walking New York, ambos de 2015.

 Visages Villages_divulgação_4

 

Terças-feiras de Cinema

Dia 9 de outubro, às 19h

Visages, Villages

Direção e roteiro: Agnès Varda e JR, 2017

Duração: 89 minutos

Classificação indicativa: 12 anos

Sala Itaú Cultural

Piso Térreo

Capacidade: 189 lugares

Entrada gratuita

Distribuição de ingressos:

Público preferencial: uma hora antes do evento | com direito a um acompanhante

Público não preferencial: uma hora antes do evento | um ingresso por pessoa

Itaú Cultural

Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô

Fones: 11. 2168-1777

Acesso para pessoas com deficiência física

Ar condicionado

Estacionamento: Entrada pela Rua Leôncio de Carvalho, 108.

Se o visitante carimbar o tíquete na recepção do Itaú Cultural:

3 horas: R$ 7; 4 horas: R$ 9; 5 a 12 horas: R$ 12

Com manobrista e seguro, gratuito para bicicletas.

www.itaucultural.org.br

www.twitter.com/itaucultural

www.facebook.com/itaucultural

www.youtube.com/itaucultural

www.flickr.com/itaucultural

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s