Brado retumbante: resistência à ditadura em dois contos de Caio F. Abreu

Caio Fernando Abreu, escritor brasileiro, dramaturgo e jornalista, apresenta uma visão dramática do mundo moderno e é considerado um “fotógrafo da fragmentação contemporânea”. Escrevia muito sobre sexo, medo, homossexualidade e solidão, além dos temas sociais e históricos, já que o escritor presenciou os efeitos do golpe militar de 1964. Em 1968 foi perseguido por partidos direitistas e, assim, em 1970…