Paulo Lins: “O samba e a umbanda foram as manifestações que dignificaram o negro no Brasil”

O escritor Paulo Lins marcou a Literatura Contemporânea com o romance Cidade de Deus (1997). Na obra, Lins retratou a violência policial, a falta de auxílio das Políticas Públicas e a rotina das camadas sociais menos favorecidas do Rio de Janeiro entre as décadas de 1960-80. O célebre livro ganhou uma adaptação para os cinemas em…