Ubirathan Do Brasil: dentro da gente também anoitece

  dentro da gente também anoitece  você ainda engole diamantes invisíveis e lambe a lâmina amolada do amor, perde tempo com trovões e álcool dentro da barriga, consome cogumelos mexicanos e galopa numa égua sem cela rumo à loucura, rumo á ciranda dos urubus anunciando a extinção das cabeças dos homens só os ratos são…